As Roupas Mais Polêmicas De Kate Middleton

Desde que se tornou a Duquesa de Cambridge, Kate Middleton tem suas escolhas de moda comentadas pela imprensa. E nem sempre as manchetes são positivas, é claro. Embora seja conhecida pelo guarda-roupa mais conservador, ela não está isenta de críticas, ainda mais quando resolve fugir um pouco dos protocolos da família real.

Parece que todo mundo tem algo a dizer sobre os seus looks. A seguir, uma retrospectiva das escolhas mais polêmicas de Kate Middleton ao longo dos últimos anos. Qual te surpreendeu mais?

Ombros de fora

De acordo com as regras da família real britânica, as mulheres da realeza também não devem usar roupas que tenham decotes ousados ou ombros de fora. No entanto, em 2017, a Duquesa de Cambridge optou por um vestido Alexander McQueen com decote ombro-a-ombro para a cerimônia do BAFTA (British Academy Film Awards).

EE British Academy Film Awards - Red Carpet Arrivals
Karwai Tang/WireImage/Getty
Karwai Tang/WireImage/Getty

Embora o modelo tenha feito sucesso entre os fãs, talvez não tenha agradado alguns membros da família real. Isso porque Kate passou a usar uma nova versão do vestido. Em 2019, ela escolheu uma peça bastante semelhante para usar na National Portrait Gallery, mas desta vez, com mangas curtas mais conservadoras.

O vestido de casamento

O vestido de noiva de Kate Middleton é, sem dúvida, um dos mais famosos de todos os tempos. Ninguém discute a beleza do modelo desenhado por Sarah Burton, diretora criativa da grife de Alexander McQueen. No entanto, algumas pessoas acharam o custo do vestido, cerca de 500 mil dólares, um tanto exagerado.

Royal Wedding - Wedding Guests And Party Make Their Way To Westminster Abbey
Pascal Le Segretain/Getty Images
Chris Jackson/Getty Images

Mas não foi apenas o valor pago pela realeza que causou polêmica. Em 2016, uma designer de noiva chamada Christine Kendall entrou com um processo contra a marca Alexander McQueen, acusando Sarah Burton de copiar seus esboços. Tanto a casa de design britânica quanto o Palácio de Kensington negaram as acusações.

Seu penteado também causou polêmica

Há rumores de que Kate Middleton foi aconselhada a usar o cabelo preso em seu casamento com o Príncipe William em 2011. Mas a Duquesa preferiu deixá-lo solto, com ondas suaves e românticas. Embora estivesse deslumbrante, Kate recebeu críticas por supostamente ter quebrado o protocolo real.

Mark Cuthbert Archive
Mark Cuthbert/UK Press via Getty Images
Mark Cuthbert/UK Press via Getty Images

Se você olhar as fotos de casamentos reais anteriores, verá que todas as mulheres da família real estavam com os cabelos penteados para trás e presos para cima. Até mesmo Meghan Markle tinha um coque em seu casamento.

Salto anabela

Você sabia que as mulheres da realeza não têm permissão para usar “salto anabela perto da Rainha Elizabeth II, simplesmente porque a dona do trono britânico não gosta desse tipo de sapato? Isso mesmo! Parece que o calçado é considerado “despojado demais” pela Rainha.

Maserati Royal Charity Polo Trophy
Max Mumby/Indigo/Getty Images
Max Mumby/Indigo/Getty Images

Então, imagine o choque e a surpresa de quem acompanha a família real quando Kate começou a ser vista com esse tipo de calçado. Mas para não causar problemas, a Duquesa de Cambridge reserva suas anabelas apenas para os eventos sem a presença da avó de William.

Meia-calça escura

Ainda segundo as regras de moda da família real, as mulheres devem usar meia-calça nude ou de tom semelhante ao da roupa durante suas aparições públicas. Mas nem sempre Kate Middleton segue o protocolo. De vez em quando, especialmente durante o inverno, a esposa de William é vista usando meia-calça preta.

The Duchess Of Cambridge Opens The Nook Children Hospice
Karwai Tang/WireImage/Getty
Karwai Tang/WireImage/Getty

Em novembro de 2019, por exemplo, Kate chegou a Norfolk, nos Estados Unidos, para abrir o Nook Children’s Hospice com um terninho roxo e meia-calça escura. A Rainha não deve ter gostado nada de ver Kate com essa vestimenta…

Looks nem tão conservadores assim

Há uma razão pela qual você quase nunca vê Kate com roupas curtas ou justas. Isso acontece porque minissaias e decotes profundos não são considerados boas opções para os membros da família real britânica.

Royal Wedding - The Duke and Duchess of Cambridge Leave For Their Honeymoon
John Stillwell – WPA Pool/Getty Images
John Stillwell – WPA Pool/Getty Images

A Rainha Elizabeth II prefere que seus familiares usem peças com um comprimento mais conservador. Mas Middleton nem sempre segue as regras. Embora ela nunca tenha usado uma minissaia justa, ela já foi fotografada algumas vezes com vestidos de comprimento acima do joelho.

Despojada demais?

Um dos looks favoritos de Kate é seu vestido de ombro largo assinado por Barbara Casasola. Ela o usou em vários eventos ao longo dos últimos anos e recebeu poucas críticas por desnudar os ombros.

The Duchess Of Cambridge Presents The Art Fund Museum Of The Year 2016 Prize
Matt Dunham – Pool/Getty Images
Matt Dunham – Pool/Getty Images

Alguns podem até achar que usar uma peça com ombros de fora é uma violação das regras de vestimenta da família real, simplesmente porque não é um tipo de roupa que uma realeza costuma usar. Mas Kate soube usar esse tipo de roupa sem parecer vulgar ou informal demais.

Pele de animal

Durante uma viagem a Estocolmo, na Suécia, Kate Middleton foi bastante criticada por conta de um acessório. Muitos ficaram insatisfeitos quando foi revelado que o modelo de gorro que a Duquesa estava usando na ocasião normalmente é feito com pele de raposa.

Royal visit to Scandinavia - Day One
Victoria Jones/PA Images via Getty Images
JONATHAN NACKSTRAND/AFP via Getty Images

Aliás, a People for the Ethical Treatment of Animals (em português: Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais) chegou a emitir um comunicado solicitando a confirmação de que a pele era falsa. No entanto, apesar de ainda usar pele de verdade, Kate Middleton prioriza peças em que os animais não foram mortos.

Um sutil apoio ao movimento Time’s Up

No BAFTA 2018 – considerado o Oscar britânico –, várias celebridades usaram preto em apoio ao movimento Time’s Up (assim como no Globo de Ouro daquele ano). Na época, muitos questionaram se a Duquesa de Cambridge também usaria a tonalidade no tapete vermelho, visto que é contra as regras da família real fazer qualquer tipo de declaração política.

The Duke And Duchess of Cambridge Attend The EE British Academy Film Awards
Max Mumby/Indigo/Getty Images
Max Mumby/Indigo/Getty Images

Por isso, foi uma surpresa quando Kate optou por um vestido Jenny Packham verde escuro com uma faixa preta. Alguns viram a faixa preta que Middleton usava ao redor de seu torso como um sinal sutil de que ela apoiava a campanha.

Kate é fã de roupas escuras

Kate fica simplesmente elegante quando escolhe usar uma peça preta. No entanto, quando se trata de mulheres reais, o preto costuma ser reservado para os períodos de luto. Na verdade, todos os membros da realeza são obrigados a viajar com roupas escuras, na possibilidade de uma morte inesperada acontecer.

The Duke And Duchess Of Cambridge With Prince Harry Attend A Night For Heroes Sun Military Awards
Arthur Edwards – WPA Pool/Getty Images
Arthur Edwards – WPA Pool/Getty Images

Eles também devem dar preferência para peças coloridas e brilhantes porque assim é mais fácil identificá-los no meio de uma multidão. Mesmo com tais instruções, Kate já foi vista em roupas pretas em várias ocasiões.

Roubando a cena

No Jubileu de Diamante da Rainha em 2012, que celebrou o aniversário de 60 anos de coroação de Elizabeth II, Kate chamou atenção ao usar este conjunto vermelho da marca inglesa Alexander McQueen.

Anwar Hussein Collection
Rota/ Anwar Hussein/Getty Images
Rota/ Anwar Hussein/Getty Images

A Duquesa recebeu críticas negativas pelo look porque os demais membros da família real usaram tons neutros no evento. O “Daily Mail”, por exemplo, chamou seu terno vermelho de “impróprio”. Alguns tabloides também destacaram que Kate tentou roubar a cena com seu traje chamativo.

Esmalte escuro

O código de vestuário da família real britânica proíbe unhas escuras, mas já vimos que nem sempre Kate segue as regras. Em 2012, a Duquesa de Cambridge chegou para um jantar ostentando um esmalte escuro em seus pés.

Royals At Claridge'S - London
Mark Cuthbert/UK Press via Getty Images
Mark Cuthbert/UK Press via Getty Images

Vale lembrar que a Rainha Elizabeth usa o mesmo esmalte desde 1989, o Ballet Slippers, da marca Essie. E segundo o protocolo real, as mulheres da realeza devem usar cores claras nas unhas. Cores escuras, bem como unhas falsas, são consideradas vulgares pela família real britânica.

A herança da sogra

Para o retrato de batizado do bebê Archie, filho mais velho de Meghan Markle e do príncipe Harry, a Duquesa de Cambridge escolheu homenagear sua falecida sogra, a Princesa Diana, usando seus brincos de pérola Collingwood – o mesmo par que ela usou no batizado de Harry em 1984.

12
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Na época, os críticos questionaram o motivo do brinco não ter sido usado pela mãe de Archie, Meghan Markle, insinuando que a Duquesa de Cambridge tentou “ofuscar” sua cunhada.

Um vestido de renda ousado

Embora o vestido Alexander McQueen que Kate Middleton usou em 2017 no Royal Ascot possa não parecer polêmico à primeira vista, as pessoas ainda encontraram motivos para criticá-lo.

Royal Ascot 2017 - Day 1
Max Mumby/Indigo/Getty Images
Max Mumby/Indigo/Getty Images

Os críticos acharam que o visual de renda branca era muito curto, um tanto transparente e impróprio para a ocasião. Para eles, Kate quebrou novamente os rígidos códigos de vestimenta da família real britânica ao escolher tal look. O Palácio não fez uma declaração formal em relação às críticas.

Perfeita demais?

A roupa escolhida por Kate para deixar a maternidade após o nascimento da Princesa Charlotte foi um vestido com estampas florais amarelas assinado pela estilista Jenny Packham. Mas não foi exatamente o vestido que deixou os críticos incomodados.

The Duke And Duchess Of Cambridge Depart The Lindo Wing With Their Daughter
Chris Jackson/Getty Images
Chris Jackson/Getty Images

Na verdade, a Duquesa foi criticada por parecer “perfeita demais” para quem havia acabado de dar à luz. Sabemos que faz parte de seus deveres manter publicamente uma postura impecável, mas isso não impediu que Kate fosse criticada por reforçar o mito da maternidade perfeita.

Criticada por ativistas

Enquanto desfrutava de uma curta pausa em 2016 para esquiar nos Alpes franceses com o Príncipe William e seus filhos mais velhos, o Príncipe George e a Princesa Charlotte, a Duquesa de Cambridge foi duramente criticada pela PETA por supostamente usar um par de luvas forradas com pele de gambá.

The Duke and Duchess of Cambridge Enjoy Skiing Holiday
Getty Images
Getty Images

“Se as luvas são de fato feitas de pele verdadeira, vamos entrar em contato com a Kate, que imaginamos que deva ignorar o fato de que os gambás são mortos pelas suas peles e muitas vezes apanhados em armadilhas de aço que esmagam os seus queixos”, disse um representante da PETA ao “Gossip Cop”. Aliás, Kate já foi duramente criticada várias vezes por usar pele de animal.

A primeira vez que usou shorts

Embora seja difícil imaginar alguém navegando em um barco com um vestido longo e sapatos de salto alto, Kate foi parar nas manchetes dos principais sites do mundo ao aparecer de shorts em uma regata beneficente da King’s Cup em 2019.

The Duke And Duchess Of Cambridge Take Part In The King's Cup Regatta
Chris Jackson/Getty Images
Chris Jackson/Getty Images

Foi a primeira vez que ela foi vista usando um look mais esportivo, que incluía um shorts justinho, após ter entrado oficialmente para a família real britânica. A roupa escolhida para o evento beneficente naturalmente causou frisson na internet.

Um momento Marilyn Monroe

Durante a viagem real de Kate e Príncipe William pela América do Norte em 2011, a Duquesa passou por uma situação constrangedora. Uma grande rajada de vento fez com que seu vestido amarelo de Jenny Packham voasse, expondo sua calcinha. Alguns fãs ficaram tão escandalizados com a situação que chegaram a escrever cartas para o estilista da família real solicitando que ele tomasse providências. E deu certo!

The Duke And Duchess Of Cambridge North American Royal Visit - Day 8
George Pimentel/WireImage/Getty
George Pimentel/WireImage/Getty

Após este incidente, Stewart Parvin, um dos alfaiates da Rainha, supostamente começou a costurar pequenos pesos nas bainhas das vestimentas reais para evitar que voassem com o vento.

Escolha polêmica

O vestido escolhido por Kate Middleton para o casamento do Príncipe Harry, seu cunhado, com a atriz Meghan Markle em maio de 2018 também deu muito o que falar.

Prince Harry Marries Ms. Meghan Markle - Windsor Castle
Jane Barlow – WPA Pool/Getty Images
Jane Barlow – WPA Pool/Getty Images

Além de ter repetido o vestido pela quarta vez – gerando rumores de descaso com a cerimônia – a esposa do Príncipe William apostou em um tom de amarelo claro, que muito se assemelhava ao branco do vestido da noiva. Xiii!

Um vestido chamativo

Kate Middleton é conhecida por ter um estilo conservador e clássico, mas ela nem sempre escolhe roupas discretas. Em 2020, a Duquesa de Cambridge marcou presença na pré-estreia do filme “007 – Sem Tempo para Morrer” com este vestido dourado deslumbrante e cravejado de pedrarias, assinado por Jenny Packham.

gold-dress
Chris Jackson/Getty Images & Samir Hussein/WireImage
Foto de Samir Hussein/WireImage

Nas redes sociais, os fãs elogiaram o look escolhido pela realeza. O próprio James Bond, Daniel Craig, disse a Kate que ela estava “adorável”. No entanto, alguns críticos acharam a escolha um tanto exagerada para um membro da família real.